domingo, 22 de abril de 2012

O mundo está acabando...Graças a Deus!

Onde quer que se vá: tragédias, lamentações, horrores, "mundo cão". A barbárie, a violência, a crueldade humana nos remete aos tempos mais sombrios da história, como a Idade das Trevas.
A desumanização se manifesta na corrupção, nos espancamentos de boates, guerras tribais de torcidas de futebol, ou, ainda mais triste, na violência doméstica, abuso do álcool e, ultimamente, no flagelo do crack.

E as comadres repetindo: "É o fim do mundo! É o fim dos tempos!".

Os programas de fim de tarde na TV, a internet, as páginas policiais dos jornais nos massacram de monstruosidades e já nem ficamos tão chocados, afinal, a cada dia surge um caso pior ou escândalo maior.

Olhamos para os lados, para frente e cadê a luz no fim do túnel? E a tal da esperança que seria a última a morrer? Confiar em quem? Deus não só deve andar extremamente sobrecarregado, mas realmente arrependido de nos legar "sua imagem e semelhança".

Definitivamente não nos parecemos com Ele ou somos meros embriões, do que um dia se chamara "ser divino". Estamos mais para mamíferos pensantes, animalescos, trogloditas e egocêntricos.

"Doutor, está tudo pela hora da morte", repetem as comadres. E eu penso: "Tomara que sim". Só após uma "bela capotada", uma tremenda guerra tribal, uma falência econômica, social, política, religiosa, cultural é que surgirá um novo tempo!

Ou alguém acredita em Demóstenes, Zé Dirceu, Collor, Sarney e Renan? Qual o próximo que terá o seu manto maculado?

Admitir que somos incompletos, imperfeitos, seria tão bom! Que líderes pudessem assumir seus papéis sem essa de eleição, politicagem. São líderes, pois tem vocação, desapego, habilidade, altruísmo, sentido comunitário e cidadão. São carismáticos, agregadores, sabem perdoar e compreender a pequenez dos imaturos, a ganância, vaidade, inveja dos pobres de espírito. Por isso, costumo nas consultas, palestras e cursos, acalmar os ânimos e confiante e convicto de dizer para as comadres: "Não há o que temer, viva o dia de hoje, faça bem feito a sua parte, não se preocupe, não se apegue, nem se ressinta: caminhe leve, pois a noite acaba em dia, a escuridão em luz. Assim sempre foi assim sempre será. Graças a Deus!".
Texto de  Eduardo Aquino publicado no Jornal Super

COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS:

Gostou? Compartilhe com seus amigos. E para receber as atualizações do Blog, com textos como esse, cadastre gratuitamente agora seu Email. Sempre que novos textos forem publicados você receberá em seu Email um aviso. Muito obrigado pelo apoio.

Delivered by FeedBurner

---------------------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Obrigado pela participação no Blog. Jesus te abençoe.
Você pode comentar usando o Facebook no campo acima, ou comentar usando uma conta do Google aqui :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...